Coronavírus

SO.U solidária

Sou-solidaria-medico-com-atitude-solidaria-Freepik

Clínica faz campanha de arrecadação de alimentos e produtos de higiene para moradores de rua, uma das populações mais vulneráveis ao novo Coronavírus

A pandemia isolou as pessoas ao adotar a quarentena como forma de combater o contágio pelo novo Coronavírus, o que obrigou o comércio a cerrar suas portas e levou à suspensão de várias atividades econômicas. O resultado é uma crise econômica sem precedentes, com aumento do desemprego e redução do poder aquisitivo de boa parte da população. A pandemia, porém, também está despertando a generosidade, colocando em movimento ações para minimizar a dor do outro e iluminando aquilo que o ser humano tem de melhor: A Solidariedade.

A ajuda aos mais necessitados, sem condições de sustento em razão de não poderem exercer alguma atividade remunerada, e aos grupos mais vulneráveis vem de agrupamento de pessoas, comunidades, grandes corporações, bancos e empresas de várias portes e atuação, que entraram nessa corrente de auxílio. Entre as faixas mais visadas pela solidariedade, além daqueles que perderam condições de ter algum sustento, estão idosos, pessoas com problemas psicológicos e pessoas em condição de rua.

Coordenador da Pastoral do Povo da Rua, o padre Júlio Lancelloti lembra que a fome e falta de acesso à água e banheiro torna essa população mais suscetível a infecções e doenças. Não há como ela ter acesso a condições mínimas de higiene, a roupa lavada e cama limpa para dormir. Com medo do novo Coronavírus, também caiu a oferta de refeições nas ruas para os sem-teto.

A Arquidiocese de São Paulo ofereceu a Casa de Oração do Povo da Rua, situada na região central da capital paulista, para abrigar esse grupo. Segundo Lancelloti disse ao site G1, as estimativas dão conta da existência de 24 mil moradores de rua na cidade, sendo 7 mil em alto risco, em razão da idade e de outras doenças que já possuem. Dados da Secretaria Municipal de Assistência Social, do total dessa população, mais de 2.200 são pessoas acima dos 60 anos: um dos grupos mais vulneráveis ao contágio pelo novo Coronavírus.

Mesmo os moradores de rua que se abrigam nos albergues públicos também vivem problemas de saúde. Há reclamações de falta de ventilação, casos de tosse e até de tuberculose.

Levar um pouco de conforto a esse segmento da população de rua é o objetivo da campanha de arrecadação de alimentos não perecíveis e produtos de higiene que a Clínica SO.U iniciou dia 19 de maio e vai se estender por tempo indeterminado. As doações serão inicialmente destinadas ao Serviço Franciscano de Solidariedade – Sefras . Trata-se de uma rede de 12 unidades socioassistenciais presente nos estados de São Paulo e Rio de Janeiro.

Atende mensalmente mais de 2200 crianças, idosos, imigrantes e refugiados, catadores de materiais recicláveis, população em situação de rua, jovens e mulheres em conflito com a lei e pessoas vivendo com HIV/AIDS.

Oferecendo atividades de arte, cultura, lazer, esporte, cidadania, saúde, reciclagem e geração de renda, atendimento psicológico, social e jurídico, e também o abrigo, além de alimentação diária.

São mais de 5.000 pessoas nesta rede solidária dando as mãos para fazer tudo isso acontecer!

Com a pandemia, a entidade ampliou o serviço de emergência, abrindo seus espaços para arrecadar alimentos e produtos de higiene para distribuir a essas pessoas e às famílias carentes.

As doações devem ser encaminhadas para as unidades Bela Vista – Rua Barata Ribeiro, 398 – 3º andar ou Itaim – Rua Bandeira Paulista, 716 – 4º andar cj. 42. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (11) 3258-1706.

Saiba mais nos post – Tempo de Solidariedade! Vamos ajudar?: https://www.soumovimento.com.br/tempo-de-solidariedade-vamos-ajudar/#.XslvrWhKhB9

www.sefras.org.br

Pastoral do Povo da Rua – Arquidiocese de São Paulo
http://www.arquisp.org.br

About the author

Redação SO.U Movimento

Redação SO.U Movimento

Portal de Notícias sobre esporte, saúde, e bem-estar.
Uma fonte de Informações a partir de pesquisas científicas nas áreas de ortopedia, medicina esportiva, fisioterapia e tratamentos coadjuvantes.

Adicionar Comentário

Click here to post a comment

Notícias do dia

Clínica SO.U – acesse o site

Clínica SOU - ortopedia