+Esporte

Futebol: paixão mundial

Sou mais Movimento - Futebol: Paixão mundial - Foto criada por Smileus - shutterstock

O esporte que é paixão no mundo inteiro

O esporte mais conhecido do planeta e que é paixão em todos os cantos do mundo, tem o Brasil como um dos principais exportadores de craques, mas nasceu bem distante da pátria verde e amarela. Charles Miller, um brasileiro que estudava na Europa, introduziu o esporte originário da Inglaterra oficialmente por aqui, em 1894.

Em 1895, Charles Miller, responsável pela estrada de ferro Santos-Jundiaí, reuniu funcionários da sua empresa com os da Gás Company, responsável pela iluminação da cidade de São Paulo, para a disputa de uma partida. O jogo é considerado o primeiro a ser realizado no Brasil.

À época, o esporte não tinha o formato que tem hoje e tampouco era chamado de “futebol”. Isso só aconteceu décadas depois, com a criação das regras.

Hoje, essa modalidade esportiva movimenta bilhões de dólares, proporciona eventos globais e muitos atletas que deram o primeiro chute em campinhos de terra na periferia, acabam se tornando ídolos internacionais.

Não há uma data precisa de quando o futebol surgiu. Historiadores contam que os ingleses adquiriram o hábito de chutar uma bola de couro, símbolo da cabeça de um membro do exército da Dinamarca, como forma de comemorar a expulsão dos dinamarqueses de seu país, ainda no século X. A ação era realizada anualmente, mas, com o tempo, a prática passou a popularizar-se, e os jogos com a bola passaram a ser realizados com maior frequência.

Veja algumas curiosidades da seleção brasileira de futebol

  • A primeira edição da Copa do Mundo foi disputada no Uruguai em 1930, e contou com a participação de 13 seleções da América e Europa. O país que sediou a primeira Copa foi o vencedor e a equipe brasileira ficou na sexta posição.
  • A primeira conquista do Brasil aconteceu somente na sexta Copa do Mundo, na Suécia em 1958, quando a Seleção Brasileira venceu o time da casa por 5X2.
  • O jogador mais novo a vencer uma Copa foi Edson Arantes do Nascimento, o Pelé. Com apenas 17 anos, Pelé foi campeão do mundo em 1958.
  • Desde que a Copa do Mundo foi criada, em 1930, o Brasil é o único país que participou de todas as edições do mundial.
  • Além disso, a seleção brasileira é a maior campeã do futebol masculino, sendo a única com cinco taças do mundial.
  • No Brasil, inicialmente, as equipes de futebol eram formadas por estudantes brancos e ricos. O futebol era proibido para negros.
  • Com a intenção de fugir do preconceito, alguns atletas tentaram estratégias para ficarem brancos. Em 1914, o jogador do Fluminense, Carlos Alberto, se maquiava com pó-de-arroz antes das partidas. Com o suor das jogadas, o disfarce desaparecia, e a torcida, ainda desacostumada com a presença de negros dentro do campo, xingava o jogador.
  • Com o tempo, algumas equipes foram abrindo as portas para acolher jogadores que não pertenciam à classe alta, incluindo negros. A primeira equipe a permitir negros foi o Clube de Regatas Vasco da Gama, que conquistou o campeonato carioca em 1923. O sucesso do Vasco incentivou outros times a também aceitarem negros no quadro de jogadores.

Criação da Copa do Mundo

Em 1904, dirigentes da Bélgica, Dinamarca, Espanha, França, Holanda, Suécia e Suíça reuniram-se em Paris, na França, para fundar a Fédération Internationale of Football Association (Federação Internacional das Associações de Futebol), a FIFA, órgão que comanda o futebol e é responsável por organizar competições de nível mundial. A entidade foi criada para suprir o desejo de um torneio de futebol entre os países.

Após a criação, a Inglaterra foi a primeira a aderir à nova federação, seguida por Alemanha, Áustria, Itália e Hungria. Em seguida, países de outros continentes aderiram à FIFA. Atualmente, a federação tem sua sede em Zurique, na Suíça.

Regras do jogo

Ao longo das décadas, novas regras foram implementadas e muitas outras modificadas até o futebol chegar ao formato que é conhecido hoje. Entre as mudanças, muitas colaboram para que o jogo ficasse mais limpo e justo.

É o caso dos cartões amarelos e vermelhos. Eles foram inseridos em 1970, para a Copa do México, como uma forma de facilitar a comunicação entre os países que não falavam o mesmo idioma.

Inspirado nas cores do semáforo — amarelo para reduzir velocidade e vermelho para parar —, o chefe dos árbitros na Copa de 1970, o inglês Keen Aston, teve a ideia de usar cores para sinalizar as penalidades. Antes disso, os árbitros usavam apenas o apito, voz e gestos para fazer as marcações. Além disso, as regras do futebol têm alterações constantes pelos órgãos reguladores, como mudanças nas dimensões de campo, substituições de jogadores e muitas outras.

Referências

http://www.bbc.com/portuguese/geral-44473257

Tags

About the author

Elliana Garcia

Elliana Garcia

Repórter, escritora e roteirista.

Adicionar Comentário

Click here to post a comment

Notícias do dia

Clínica SO.U – acesse o site

Clínica SOU - ortopedia