Mindful Eating: o prazer de comer no tempo certo e na medida exata

Mulher jovem e bonita comendo pizza -autor senivpetro / Freepik

No mundo atual, estamos conectados, praticamente todo o tempo. O celular e o computador nos põem em contato com familiares, colegas de trabalho e chefes, clientes, amigos e inimigos, além de notícias e situações que ocorrem ao redor do globo. Com mídias sociais, e aplicativos como WhatsApp, as demandas são constantes e as respostas precisam ser rápidas, imediatas. No entanto, tanta conexão nos desconectou de nós mesmos e uma refeição é muitas vezes consumida de maneira ligeira e enquanto se manuseia o smartphone, computador ou tablet, ou enquanto se assiste TV. Somente em um mundo assim poderia surgir o Mindful Eating, ou prática da alimentação consciente. Se somos o que comemos, para o praticante do Mindful Eating também importa o como comemos.

A prática do mindfullness nos leva a deliberadamente prestar atenção, sem julgamento, no momento presente. Com o tempo, a atenção plena cultiva a possibilidade de nos libertar de padrões reativos e habituais de pensar, sentir e agir. Em consequência, promove o equilíbrio, a escolha, a sabedoria e a aceitação de si.

No mindful eating, a ideia é que a alimentação pode nos colocar em contato com nós mesmos. A partir da atenção focada na comida é que vamos nos investigando e, assim, passamos a ter uma outra relação com o que se come, mas principalmente com nós mesmos. Desse processo, surge um relacionamento saudável e consciente com a comida, sem exageros ou reduções excessivas.

O que é

Em artigo publicado no American Journal of Lifestyle Medicine, a PhD Jessica T. Monroe afirma: “Comer conscientemente (mindful eating) é aproveitar os alimentos utilizando todos os sentidos, sem julgamento. Os princípios básicos do comer consciente envolvem ouvir as pistas internas dadas pelo corpo (ou seja, fome e saciedade) para evitar o consumo excessivo (reduzindo o tamanho das porções e distrações ao comer e comer lentamente) e para ajudar na conscientização”.

De acordo com o The Center for MIndful Eating (Centro de Alimentação Consciente), mindful eating é:

  1. Permitir-se tomar consciência das oportunidades positivas e estimulantes que estão disponíveis por meio da seleção e preparação de alimentos, respeitando a própria sabedoria interior.
  2. Usar todos os seus sentidos na escolha de alimentos que sejam ao mesmo tempo satisfatórios e nutritivos para o corpo.
  3. Reconhecer respostas à comida (gostos, desgostos ou neutro) sem julgamento.
    Tornar-se consciente das dicas físicas de fome e saciedade para orientar quando começar e terminar de comer.

Espera-se que o praticante do mindful eating reconheça que não há maneira certa ou errada de comer, mas diferentes graus de consciência em torno da experiência da comida.
Ele aceita que suas experiências alimentares sejam únicas e direciona sua atenção para comer momento a momento, tomando consciência de que pode fazer escolhas em prol da saúde e bem-estar.

About the author

Redação SO.U Movimento

Redação SO.U Movimento

Portal de Notícias sobre esporte, saúde, e bem-estar.
Uma fonte de Informações a partir de pesquisas científicas nas áreas de ortopedia, medicina esportiva, fisioterapia e tratamentos coadjuvantes.

Adicionar Comentário

Click here to post a comment